Máscara Capilar – Tipos e Benefícios

Máscara Capilar – Tipos e Benefícios
Compartilhe com um amigo(a)








Enviar

A máscara capilar funciona de forma similar para melhorar a condição e saúde do cabelo, assim como a máscara facial funciona para nutrir e hidratar a derme. As máscaras capilares podem também ser referidas como tratamentos profundos condicionantes ou condicionadores de cabelo intensivos.

O que faz delas diferentes dos condicionadores instantâneos é que os ingredientes são geralmente mais concentrados, e a máscara é deixada no cabelo por mais tempo, algo de 20 minutos a várias horas. Muitos tipos de máscaras capilares podem ser feitas em casa a partir de ingredientes que pode já ter na cozinha, como banana, mel, ou até ovo.

Ou, se não desejar fazer em casa, há muitos tipos de máscaras capilares para comprar. É importante conhecer os benefícios das máscaras capilares, como usar, e os tipos que podem funcionar melhor para cada caso.

Benefícios da máscara capilar

Há muitos benefícios ao usar uma máscara para os cabelos, e as vantagens variam a depender dos ingredientes e tipo de cabelo. Geralmente, os benefícios de usar uma máscara capilar incluem:

  • Fios mais macios, e com mais brilho.
  • Mais hidratação.
  • Quebra capilar reduzida e dano também.
  • Menos frizz.
  • Couro cabeludo mais saudável.
  • Fios mais fortes.
  • Menos dano do ambiente e de produto.

Quais ingredientes funcionam melhor na máscara capilar?

As máscaras capilares variam quando se trata de ingredientes que podem oferecer melhoria aos fios. Os ingredientes que podem funcionar melhor vão depender do tipo de cabelo e a condição do couro cabeludo e fios.

Aqui estão alguns dos ingredientes mais populares para procurar na máscara ou para experimentar quando fazendo uma máscara caseira:

  • Se desejar reduzir o frizz, bananas são um bom ingrediente para incluir em máscara capilar. A sílica em bananas pode também ajudar a deixar os fios mais macios e com mais brilho. Segundo um estudo de 2011, as bananas também têm propriedades antimicrobianas. Isso pode reduzir secura e caspa.
  • Os nutrientes nas gemas, incluindo vitaminas A e E, biotina, e folato, podem ajudar a promover o crescimento capilar, enquanto a proteína na clara pode ajudar a fortalecer os fios.
  • Óleo de abacate. Os minerais no óleo de abacate, como ácido fólico, ferro, e magnésio, podem ajudar a selar a cutícula do cabelo. Isso pode ajudar a fazer dos fios mais resistentes para dano e quebra.
  • O mel é considerado um umectante, ou seja, pode ajudar o cabelo a atrair e reter mais umidade. Pode também estimular o crescimento das células da pele, que pode ajudar a promover folículos capilares mais fortes.
  • Óleo de coco. Devido ao seu peso molecular baixo, o óleo de coco pode penetrar a haste do cabelo para condicionar profundamente. Isso pode ajudar a reduzir frizz e secura. A pesquisa de 2015 também mostrou que óleo de coco pode reduzir perda de proteína quando usado no cabelo.
  • Hidratação intensa? O azeite contém esqualeno, que é produzido naturalmente pelo corpo, mas reduz conforme as pessoas envelhecem. Esqualeno é essencial para cabelo hidratado e pele hidratada.
  • Aloe vera. Se desejar acalmar e suavizar o couro cabeludo, considerar uma máscara capilar com aloe vera, que tem propriedades anti-inflamatórias. Também contém vitaminas C, E, e B-12, ácido fólico, e colina, que pode ajudar a fortalecer e nutrir os fios.

Como aplicar a máscara capilar

A maioria das máscaras capilares funciona quando aplicada no cabelo limpo, e secado com toalha, que ainda está úmido. No entanto, se estiver usando uma máscara capilar feita principalmente de óleo, como óleo de coco ou azeite, pode ser melhor aplicar a máscara no cabelo seco.

Porque o óleo pode repelir água, alguns especialistas de cabelo acreditam que o fio seco é mais capaz de absorver óleo do que o fio molhado. Uma vez que a máscara capilar estiver pronta para aplicar, seguir estes passos:

  • Para proteger a roupa, usar uma toalha velha nos ombros ou vestir uma camiseta velha.
  • Se o cabelo for longo ou grosso, pode ajudar dividir em seções com presilhas.
  • Pode aplicar a máscara com os dedos, ou pode usar um pincel pequeno para passar a mistura no cabelo.
  • Se os fios estiverem secos, começar a aplicação próxima do couro cabeludo e trabalhar para as pontas. Uma vez que a máscara foi passada nas pontas, pode seguir de volta e gentilmente aplicar no couro cabeludo.
  • Se estiver especificamente aplicando a máscara para tratar caspa, vai desejar começar no couro cabeludo.
  • Se os fios forem oleosos, começar a aplicação da máscara capilar no meio e passar para as pontas.
  • Uma vez que já aplicou a máscara, passar um pente de dentes largos pelos fios para ajudar a assegurar que a máscara foi espalhada bem.
  • Cobrir o cabelo com uma toca de banho. Então embrulhar uma toalha ao redor da cabeça. Isso ajuda a proteger a máscara de pingar, mas também ajuda a adicionar um calor, que pode ajudar os ingredientes a absorver nos fios.
  • Deixar a máscara por ao menos 20 a 30 minutos. A depender dos ingredientes, algumas máscaras podem ser deixadas por horas ou até pela noite.
  • Enxaguar bem com água morna ou fria. Evitar água quente. A água mais fria pode ajudar a selar a cutícula do cabelo e ajudar o mesmo a reter mais umidade.
  • Após enxaguar a máscara, pode levar 2 ou mais enxagues para totalmente remover, pode adicionar produtos e estilizar o cabelo como usual.
  • Para fios danificados, com frizz, ou secos, pode aplicar uma máscara, uma vez por semana. Se o cabelo tende a ser mais oleoso, tentar usar uma a cada duas semanas.

Blog Dermadoctor

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.