Homens Precisam Cuidar da Pele?
23 de janeiro de 2019
Por Que Cuidar do Pescoço e Colo?
1 de fevereiro de 2019

Bronzeados Caseiros São Seguros?

Compartilhe com um amigo(a)








Enviar

Bronzeados caseiros são seguros? Nenhum bronzeado é dermatologicamente saudável. O bronzeamento se caracteriza pigmentação da pele por causa da maior produção da melanina, como resposta para agressão gerada por se expor à radiação ultravioleta.

            São recebidos pela Terra, 2 tipos da radiação ultravioleta, sendo a UVA e UVB. Raios UVB causam as queimaduras solares, porém, estimulam ainda produzir melanina, e dessa forma, o aparecimento do bronzeado.

            Os raios UVB são responsáveis pela mudança do DNA de células cutâneas, sem contar a vermelhidão. E os raios UVA representam 95% de raios ultravioleta que são capazes de atingir a pele e se mostram os responsáveis principais por envelhecimento da pele prematuro, ou seja, manchas, ressecamento, rugas, e perda da elasticidade.

            Raios UVA, que são usados em câmaras de bronzeamento artificial proibidas, vão deixar a pele bronzeada depois de exposição correspondente a meia hora. O problema é que, por não gerar queimadura, não é possível controlar seguros níveis da exposição.

            Radiação UVB causa pigmentação, vermelhidão, e é capaz de induzir mudanças celulares que ocasionam câncer de pele. E a radiação UVA causa envelhecimento precoce, sem contar induzir ao câncer e causar pigmentação da pele.

            Deste modo, a solução ideal para se bronzear de maneira segura é optar por tratamentos autobronzeadores. Tanto como loção, comercializado nos supermercados e drogarias, como a jato, feito nas clínicas de estética, tais bronzeadores normalmente se resumem produtos ricos em DHT, dihidroxiacetona.

            Essa substância tem capacidade de alterar a cor da pele, porém não sendo nociva para saúde. A mesma apenas tinge camada superficial, e raramente gera alergia. No entanto, é sempre importante fazer teste do produto em região pequena corporal antes.

            Aplicar vai depender do fabricante, no entanto, geralmente é possível ganhar bronzeado por período de até 10 dias, sem que a pele resseque e descasque. Tratamento se resume continuado, processual.

E demanda cuidados para que não ocorra mancha, tinja lugares inusitados como os dedos, e para não exagerar nas regiões corporais que já possuem tendência a ser mais escurecidas.

            Sobre a necessidade do banho de sol, fundamental a produzir vitamina D na pele, essencial à absorção do cálcio do intestino, já aparece questionada pelos pesquisadores. De acordo com artigos, expor-se de maneira despretensiosa para raio solar já iria permitir produzir vitamina D adequadamente.

            Desse modo, contraindicando-se, os banhos de sol com duração superior a 20 minutos, mesmo que haja proteção solar. Se não for possível evitar, é interessante sempre atentar para cuidados de forma a amenizar danos gerados por raios UVB e UVA.

Existe necessidade da utilização do filtro solar FPS 15 ou superior. Com aplicação meia hora anteriormente à exposição, e em período a cada 2 horas. E uso dos bonés, roupas, óculos de sol, sem contar evitar o sol nos momentos entre 10 horas da manhã e 16 horas. Quando se fala em bronzeamento a jato, há opção de aplicar de forma natural por spray, ou entrar na cabine.

            A primeira opção é formada por vários ângulos de jatos, com posição estratégica, para coloração do corpo de forma uniforme. Em aproximadamente 45 minutos é possível a saída com aparência diferente. No caso da aplicação manual, é usada pela esteticista uma espécie de aerógrafo que vai esborrifar bronzeador de modo homogêneo pela pele.

Como Usar o Creme Autobronzeador

            O primeiro passo é fazer uma esfoliação na pele, pois vai evitar que bronzeie a pele morta que terminará a descascar com aspecto ruim. Na seqüência, é preciso aplicar o creme bronzeador, selecionando opção com cor visível para entender a quantidade que coloca em mãos para aplicação.

            É importante evitar excesso para que não fique laranja. Assim como o sol, o creme autobronzeador possui resultados melhores conforme haja mais camadas aplicadas. Desta forma, não aplicar exagerada quantidade do produto de uma vez apenas.

Dicas Essenciais

            É importante beber bastante água, já que é saudável para o corpo, e ajudará para recuperação da água que foi perdida em suor. É preciso, a garantir perfeito bronzeado, deitar de frente e de costas durante período de tempo idêntico, evitando cor desigual.

            O bronzeado não pode iniciar de modo abrupto, assim, se no inverno não houve exposição ao sol, nem um pouco, não pode iniciar já com 2 horas se expondo. A orientação é iniciar com minutos do sol pelo primeiro dia, e seguir a aumentar para que a pele acostume.

            Se começar a perceber sensação ardida na pele, é preciso entender que a mesma está queimando e deve ser feita uma pausa de ao menos 5 minutos. Reaplicar o protetor e ter cuidado para que não fique com a pele vermelha.

            Se for possível deitar próximo à piscina ou lugar que tenha água para bronzear-se, dessa forma o sol vai refletir na água e mais raios vão alcançar a pele. No entanto, ter atenção ao fato que este detalhe fará queimar mais rápido.

Venha conhecer nossa loja virtual!

1 Comentário

  1. […] Na sequencia são apresentados 3 tratamentos naturais para situações da queimadura solar, se a pele ficar inchada, avermelhada, dolorida, porém, se a pessoa tiver vermelhidão […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.