Como cuidar e evitar cicatriz

Do corte à lavagem: cuidados com o cabelo infantil
17 de setembro de 2015
Conheça o perfume 212 Men
19 de setembro de 2015

Como cuidar e evitar cicatriz

Compartilhe com um amigo(a)








Enviar
Interrupção na continuidade da pele, as feridas pode ser causadas por traumas, acidentes, cirurgias ou doenças. Na maioria das vezes elas são superficiais e de simples tratamento, mas é preciso ficar atenta a cicatrização e reincidência do problema.

Limpeza da ferida

Para lesões acidentais, como cortes e “ralados”, lavar o local com água e sabão é o primeiro passo para higienizar e tratar o problema. Contudo, as feridas, principalmente crônicas, não devem ser lavadas durante o banho porque a água fica contaminada com a sujeira do nosso corpo, o que pode acabar causando contaminação. A temperatura da água usada na lavagem da ferida pode facilitar o processo de cicatrização. O organismo trabalha em temperatura corpórea de 36 graus para manutenção e restabelecimento da integridade da pele. Quando a ferida é resfriada durante o processo de limpeza, o corpo demora mais para entrar na temperatura adequada, retardando as reações químicas relacionadas à cicatrização.

Curativo
A função básica do curativo é evitar a contaminação da ferida e absorver a secreção. O melhor curativo depende do tipo de ferida a ser coberta. Nas mais simples, podem ser feitos curativos com gaze. Para as mais complexas, é necessário consultar um profissional da área da saúde que irá indicar o curativo mais adequado e a frequência de troca.

Sinais de cicatrização
Quando a dor diminui, o tamanho da lesão reduz e surge aquela pele dura e vermelha é sinal de que o processo de cicatrização já está acontecendo. É nessa fase que acontece a migração de células de defesa para o leito da ferida que irão realizar a limpeza e controlar a contaminação da ferida. Depois, acontece a fase de granulação em que acontece a formação do tecido base para a cicatrização.

Sintomas de infecção
Aumento da dor, calor e rubor ao redor da ferida são os principais sintomas de uma possível infecção. Embora sejam sintomas comuns ao processo de cicatrização, se forem excessivos podem ser sinal de infecção. A presença de pus na ferida e a febre também indicam que algo não vai bem.

Alimentação e cicatriz
A alimentação pode ser grande aliada no processo de cicatrização. A proteína é a responsável pela reconstrução da pele e a vitamina C atua ajudando na formação do colágeno.


Produto indicado:
Eau Thermale Avène – Cicalfate Creme – 100ml


Indicações:

Creme cicatrizante e antibacteriano, especialmente indicado para queimaduras e lesões que ocorrem principalmente em peles sensíveis e após tratamentos estéticos. O produto, porém, é adequado para todos os tipos de pele, inclusive de recém-nascidos e crianças. Com princípios ativos antibacterianos, protege a pele e impede o desenvolvimento de bactérias. Sua ação reparadora permite que a pele se regenere mais rapidamente. Sua formulação hidrata e acalma a pele irritada deixando-a mais suave.

Produto sem álcool ou perfumes, hipoalergênico e não comedogênico.


Por R$66,80 em 18/09/2015 na DERMAdoctor
Venha conhecer nossa loja virtual!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *