Como é bom tomar um banho bem gostoso, não é?
31 de agosto de 2018
Por que os cabelos brancos aparecem?
28 de setembro de 2018

Tudo sobre as sardas

Compartilhe com um amigo(a)








Enviar

As sardas começam a surgir na adolescência e podem ser hereditárias.

As sardas são as famosas pintinhas marrons na pele, que surgem, especialmente, em pessoas com pele clara. Enquanto essas manchinhas são um charme para algumas, para outras, podem ser um incômodo. Nos dois casos, o melhor a fazer é sempre proteger a pele com um filtro solar, já que as sardinhas surgem em peles com baixa quantidade de melanina – que é um protetor solar natural do corpo – e são estimuladas pelo sol. Elas ocorrem em locais de frequentes queimaduras solares, como ombros, nariz, maçãs do rosto e colo

Elas podem ser de dois tipos:

Efélides: manchas de cor vermelha ou marrom clara, que aparecem geralmente durante o verão, mas desaparecem no inverno. São comuns a pessoas de pele clara e possui natureza genética;

Lentigines: são manchas mais escuras do que as efélides.

Principais causas das sardas:

As principais causas das sardas são a exposição solar excessiva e fatores genéticos e hereditários.

No caso de pessoas ruivas, as sardas surgem devido a uma mutação genética no par de cromossomos 16, que altera a produção do pigmento feomelanina, fazendo com que este se concentre em algumas partes do corpo, originando as famosas sardas.

Em outras pessoas, principalmente as de pele clara, o que acontece é um aumento na produção e uma distribuição desigual de melanina, como uma defesa à agressão solar, fazendo com que a pele se pigmente em alguns pontos para impedir que os raios solares penetrem na derme, gerando as sardas.

 

 

Venha conhecer nossa loja virtual!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.