Câncer de Pele? Quais os Fatores de Risco para Desenvolver

Você Sabe Qual É o Seu Fototipo?
29 de maio de 2019
5 Dicas para Ter uma Pele Mais Firme
29 de maio de 2019

Câncer de Pele? Quais os Fatores de Risco para Desenvolver

Compartilhe com um amigo(a)








Enviar

Câncer de pele se caracteriza o tipo de tumor de grande incidência na população. Os indivíduos que tomaram bastante sol no decorrer da vida sem se proteger adequadamente possuem risco maior a tal enfermidade. Isto já que expor-se ao sol sem proteção vai agredir a pele, gerando mudanças celulares que podem causar câncer.

E tomar sol se mostra algo cumulativo, ficando registrado no corpo para sempre. A prevenção deve ocorrer a partir da infância e existir pela vida inteira. Apenas considerar a proteção em dias de praia é equívoco.

Passear no parque, ir ao trabalho, pegar ônibus, toda atividade que é em ambiente fora de casa deve ser razão para prevenção em relação aos raios solares UVB e UVA, sendo a atenção ainda mais essencial para alguns indivíduos que são mais sensíveis para enfermidades de gravidade como carcinoma e melanoma. Fatores de risco ao câncer de pele se resumem simples para identificação, como apresentado na seqüência.

– Pintas Pelo Corpo Inteiro

            Mesmo que muitas pessoas achem bonitas as pintas pelo corpo, é importante salientar que estas manchas não representam normalidade. E aparecem no decorrer da vida, conseqüente para exposição ao sol e necessitam ser analisadas pelo dermatologista.

            É indicado controlar o crescimento da pinta através da orientação dos médicos, borda irregular, assimetria reconhecida, ou seja, se a mesma não é redonda. Ainda diâmetro maior em comparação com a ponta do lápis, cores múltiplas, e evolução, portanto, se sangra, coça, ou cresce.

            E se tiver várias pintas, fazer acompanhamento com dermatologista é importante para certificar-se de que não há qualquer grave problema aparecendo. Mais um ponto fundamental é o sentido que cresce. Se a pinta ficar saliente e receber aspecto da verruga, não existem problemas. Porém, se a pinta crescer aos lados, pode estar em multiplicação, e isto não deve ocorrer no adulto.

– Dificuldade para Bronzeado

            A pele bem bronzeada do sol geralmente é sinal de vitalidade e beleza, no entanto, há riscos associados com horas de exposição para o sol que não podem ser ignorados, em especial se tiver a pele bastante branca e a mesma se mostra vermelha ao invés de amorenar.

            Nesta situação, o risco para câncer de pele se caracteriza alto por 2 razões, por sensibilidade natural exibida pela pele, e ainda porque como não é capaz de bronzear-se de forma fácil, o indivíduo termina por tempo longo em exposição para raios UVB e UVA.

– Sol em Excesso

            Mesmo a pessoa que não possui as características como cabelo ruivo e pele sensível necessita ter cuidado quando se trata do sol. A chance nunca se resume nula, em especial aos indivíduos que seguem comportamento de risco como a ação de tomar sol de forma indiscriminada.

            É importante lembrar que proteger-se do sol não é apenas com o filtro, os óculos de sol, chapéus, bonés, e mesmo roupas podem auxiliar para bloqueio do raio solar, principalmente na vida cotidiana. O sol não é presente apenas na piscina ou praia, porém, integra o dia a dia.

– Cabelo em Tom Claro e Olhos Azuis

            Estudos indicam que as pessoas que têm cabelos ruivos ou loiros e olhos azuis apresentam chance maior para desenvolvimento do melanoma, que é o tipo mais agressivo e raro do câncer de pele.

            Nestas situações, não depende da cor da pele, mesmo o indivíduo da pele morena e com olho azul deve visitar o médico. Aquele que nasceu com cabelo avermelhado ou ruivo necessita ter cautela redobrada para o que o médico orientar. Estas pessoas têm felmelanina, o composto que induz maior oxidação da pele e que faz a pele estar menos protegida no que se refere aos riscos do sol.

– Surgimento Sem Parar das Sardas

            Nunca se deve desconsiderar as sardas. Aqueles com tantas sardas no rosto ou ombros necessitam do acompanhamento médico e ainda de cuidados especiais no momento de expor-se ao sol. Já que as sardas são resposta da pele sensível para abuso de sol, portanto, quanto maior a quantidade de sardas, é maior o risco dos problemas associados com sol.

– Antecedente Pessoal Considerado

            É essencial ainda ter bastante atenção com o histórico, e conhecer a própria herança genética. O desenvolvimento de carcinoma, como na situação familiar, aponta comportamento de risco, este que deve ser controlado a seguir instrução médica.

            A reincidência é bastante comum e apenas pode haver combate se a pessoa estiver disposta para seguir hábitos, como caminhar pela sombra, passar protetor solar, e também evitar a exposição ao sol em faixas horárias em que existe maior incidência solar, ou seja, das 11 horas da manhã até 4 horas da tarde.

– Histórico Familiar do Câncer de Pele

            Como acontece com várias enfermidades, o histórico familiar aponta a possibilidade maior para desenvolvimento do câncer de pele. Porém, ter atenção com as diferenças, se uma pessoa na própria família já sofreu de carcinoma, não é preciso susto, mas, avisar o médico.

            Carcinoma, como com sardas, se mostra resultado da exposição ao sol em exagero. O problema maior se encontra no melanoma, que possui ainda lado genético não tão bem entendido para medicina.

            As características que deixam a pele mais sensível podem também ser herdadas. Assim, é muito importante prestar atenção no modo como cada pele vai reagir com o sol, no caso da própria pele e a dos familiares.

Dicas de produtos:


Dermage Photoage Oc FPS70 40g


Ampla proteção solar anti-UVA e UVB. Com exclusiva tecnologia DG DNA Repair Complex e ativos antioxidantes. Alta proteção FPS 70/UVA 17. Sua fórmula possui micro-esferas que absorvem a oleosidade por até 8 horas. Sua textura antibrilho com toque seco foi desenvolvida especialmente para proteção solar diária de peles mistas a oleosas. Possui ativos como Vitamina E que tem ação antioxidante e hidratante, Green Tea com ação antioxidante e Glicina de soja que proporciona ação antioxidante, emoliente e hidratante, auxilia o restabelecimento cutâneo de peles rachadas e ressecadas. Gel-creme com toque seco e acabamento mate.


Roc Minesol Oil Control Tinted Protetor Solar FPS60 50g

Roc Minesol Oil Control Tinted FPS60 50g permite proteger a pele contra os raios solares, ajudando também a controlar a oleosidade da pele.



Ada Tina Biosole AV Protetor Solar FPS50 50ml

Ada Tina Biosole AV FPS50 50ml é um protetor solar com FPS 50, ele protege dos raios UVA e UVB por até 12 horas com toque seco. Ainda evita a perda de firmeza da pele.



Australian Gold Accelerator Instant Bronzer Spray Gel 237ml


Acelerator Instant Bronzer Spray Gel exerce a maneira mais rápida de se ficar com um bronzeado. Não contém óleo mineral. Pode ser usado em camas de bronzeamento artificial e exposição solar. Este produto NÃO CONTÉM FILTRO SOLAR E NÃO PROTEGE CONTRA OS RAIOS SOLARES. USE UM PROTETOR SOLAR ADEQUADO PARA SEU TIPO DE PELE.

Venha conhecer nossa loja virtual!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.