Queda de cabelo em Mulheres

Diga adeus à Celulite
12 de abril de 2013
Olheiras: como prevenir, amenizar e tratar
15 de abril de 2013

Queda de cabelo em Mulheres

Compartilhe com um amigo(a)








Enviar

A queda de cabelo é um problema que afeta muitas mulheres em vários momentos de sua vida e se não tratada pode levar a complicações, como a calvície permanente. Para evitar a queda existem produtos específicos e cuidados que você deve levar em conta.
Dependendo da origem dessa queda podem existir diferentes alternativas para tratar e prevenir a queda, é por isso que o recomendado é uma avaliação e orientação médica especializada.

Alopecia Androgenética é o nome técnico que identifica a calvície feminina, geralmente causada por predisposição genética, alguma variação nos níveis de hormônios endócrinos (andrógenos), menopausa e o passar dos anos. As características distintivas sobre a perda de cabelo masculina podem ser vistas nos cabelos que são perdidos no centro da cabeça, o cabelo torna-se gradualmente mais fino e o couro cabeludo pode ser visto claramente.

 Não necessariamente, toda vez que se observa a queda de cabelo, ela se deve à alopecia. Muitas vezes o problema tem outra origem e, portanto, deve-se prestar atenção aos sintomas.
As causas podem ser diversas, sendo elas:
– Perda aguda de cabelo depois de doenças sistêmicas crônicas, estresse emocional, doenças febris, etc;

– Queda de cabelo após coloração, excesso de alisamento com prancha ou uso de diferentes loções;
– Alterações hormonais das normais renovações hormonais, tais como adolescência, gravidez, pós-parto e menopausa;
– Micro-organismos: a presença de fungos, bactérias ou vírus na cabeça produz caspa ou excesso de gordura que obstruem os poros, fazendo com que o cabelo enfraqueça e caia. Quando estas infecções são crônicas, destroem o folículo e, em seguida, o processo se torna irreversível;
– Stress: provoca um tipo de calvície feminina chamada alopecia areata, que geralmente é reversível;
– A deficiência de ferro e zinco afeta a qualidade do cabelo e a má nutrição pode ser uma causa de queda de cabelo.

Para tratar existem linhas de tratamento para cabelos antiqueda para mulheres contendo Aminexil e vitaminas PP/B5/B6 que promovem o crescimento natural. Contêm também água termal com propriedades calmantes e antiirritantes.
Para utilizá-los, você deve abrir a ampola e colocar a ponta aplicadora. Despeje o conteúdo no cabelo seco, a partir das raízes para os fios e massageie. Deixe agir por alguns minutos e enxague.
Existem também linhas de tratamento mais completas que contêm Aminexil e Ginseng para fixar a raiz no couro cabeludo e estimular o metabolismo da raiz para proteger a fibra contra os danos causados pelos radicais livres. Também existem shampoos com Aminexil e vitaminas PP/B5/B6 que revitalizam, embelezam e estimulam o crescimento do cabelo.

Seguem algumas dicas de produtos que podem ser utilizados nesses casos:
Shampoos: Dercos energizante (Vichy), Kerium anti-queda (La Roche Posay), Teloss 5 (Theraskin), Anaphase (Ducray), Panto hair (Biolab), Amplexe (Ada tina) e Pilexil (Valeant).
Loções: Kerium (La Roche Posay), Teloss 5 (Theraskin), Anastin (Ducray), Panto hair (Biolab), Amplexe (Ada tina) e Pilexil (Valeant).
Há também cápsulas contendo vitaminas que além de ajudar a prevenir a queda, auxiliam também no crescimento de novos fios, sendo elas: Inneov nutricare (Inneov), Eximia fortalize (FQM), Oenobiol magnifique (Sanofi Aventis) e Inpele Capelli Forti (Ada tina).

Além do tratamento com produtos especializados, há também algumas dicas que podemos inserir na rotina que previnem a queda de cabelo, sendo elas:
– Água adequada: para lavar o cabelo, certifique-se de usar a água temperada (mistura de água quente e fria) para não danificar o couro cabeludo. Além disso, você deve enxaguar o cabelo completamente após a lavagem para remover todos os vestígios de produtos de cuidados capilares;
– O calor excessivo (pranchas, secadores ou modeladores) e a lavagem com um shampoo agressivo danificam os cabelos fazendo com que se tornem mais frágeis. Sempre use um shampoo adequado para o seu tipo de cabelo (couro cabeludo) e o secador a uma temperatura baixa;
– O cabelo precisa respirar. Não penteie o cabelo puxando para trás e jogue o cabelo solto para baixo, voltando para cima outra vez. Não use capacetes, bonés ou chapéus por longos períodos de tempo.
– Massagens são benéficas para o cabelo. Ao lavar os cabelos, massageie o couro cabeludo por cerca de 2 a 3 minutos, sem muito atrito. Isso ajuda a estimular a circulação sanguínea e relaxar o couro cabeludo;
– Uma dieta equilibrada, prática de exercícios regularmente e algumas horas de sono também são essenciais para ter um cabelo saudável e bonito.

É normal que diariamente caiam cerca de 70 a 120 fios de cabelo, mas se você notar muito mais cabelo no pente ou nas roupas, deve consultar um especialista.

Venha conhecer nossa loja virtual!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *